Mogi das Cruzes/Helbor faz 2 a 0 em cima da LSB e avança para semifinais contra Paulistano


Mogi das Cruzes/Helbor faz 2 a 0 em cima da LSB e avança para semifinais contra Paulistano


O Mogi das Cruzes/Helbor encerrou os playoffs de quartas de final contra a Liga Sorocabana (LSB) nesta segunda-feira (9), no Ginásio Hugo Ramos, e se classificou para as semifinais do Campeonato Paulista. A série melhor de três terminou em 2 a 0 para os mogianos, com a vitória nesta noite por 88 a 79. Agora, o Mogi das Cruzes/Helbor disputa com o Paulistano quem avança para a final. As datas das semifinais serão decididas em reunião entre a Federação Paulista de Basquete e os clubes nesta quarta-feira (11). Além dos dois semifinalistas, Bauru também já está classificado e aguarda a decisão entre Franca e Osasco para conhecer seu adversário. Diferente das quartas, as semifinais e as finais serão em sistema melhor de cinco jogos.

Larry Taylor mais uma vez foi um dos destaques da partida, com 22 pontos, nove rebotes, oito assistências e de quebra ainda deu um toco. Shamell Stallworth, porém, foi o maior pontuador mogiano em quadra: 24 convertidos e Caio Torres anotou um duplo-duplo de 16 pontos de 10 rebotes. O cestinha do jogo foi o americano da LSB, Dontrell Brite, com 32 pontos.

“Não fizemos uma excelente partida, mas conseguimos sair com a vitória, que era o importante. Por estarmos em casa e termos ganhado o primeiro lá, o inconsciente do time não tratou o jogo como tratamos a primeira partida em Sorocaba. Já era esperado. Mas eles também tiveram méritos. Fizeram 14 bolas de três, estavam mais aguerridos, conseguiram entrar mais no jogo. Mas o importante, no momento, foi a vitória e agora é nos prepararmos para cruzar com o Paulistano, fazer uma excelente série e disputar mais uma final para defender o título”, avaliou o técnico Guerrinha.

Dono da melhor eficiência em quadra (36), o Alienígena, que vem se sobressaindo com atuações brilhantes, falou sobre a dificuldade do jogo desta noite diante da LSB. “Hoje foi um jogo muito difícil para a gente. O time deles veio com ‘fome’, porque sabia que se perdesse hoje estaria fora do campeonato. Então eles não tinham nada para perder. Eles jogaram bem, mas nós jogamos melhor e por isso ganhamos”, comemorou. 

Por: Assessoria de Imprensa Mogi Basquete
Em 09/10/2017


Compartilhe esta notcia no Google +
Recomende esta matria pelo WhatsApp

Quem apoia o Futebol Mogiano


Futebol Café Gerenciador online de campeonatos

Instagram Futebol Mogiano

Veja mais fotos em nosso Instagram www.instagram.com/futebolmogiano